A Secretaria de Saúde, a Associação Empresarial de Jaraguá do Sul e a Católica de Santa Catarina deram início nesta quarta-feira (12), à primeira etapa de uma pesquisa sobre a incidência de infecção por Covid-19 no município.

Os testes devem ser realizados nesta quinta (13) e sexta-feira (14). Se for necessário, o trabalho continua na semana que vem.

Neste primeiro momento, serão feitos 1,5 mil testes rápidos (IgG e IgM) em pessoas de diferentes bairros de Jaraguá do Sul, além da aplicação de um questionário.

A escolha das residências que serão visitadas é aleatória e feita por sorteio. A ação busca ter um panorama mais completo da doença no município, de pessoas assintomáticas, com diferentes hábitos de vida e diferentes níveis de isolamento social.

Estão envolvidos na testagem e aplicação dos questionários 24 profissionais, principalmente acadêmicos da área da saúde. Todos usam crachá de identificação azul escrito “Pesquisa Epidemiologia Covid-19 Jaraguá do Sul”.

O secretário de Saúde, Alceu Moretti, explica que com as duas etapas da pesquisa em mãos (primeira etapa feita agora e segunda etapa feita daqui a 15 dias – total de três mil testes), o Município terá uma ideia, por amostragem, do número de contaminados pelo novo coronavírus na cidade, quais regiões mais atingidas, qual o perfil dos infectados e como lidar com a situação.

“O Comitê de Crise vai saber, por exemplo, se pode afrouxar as restrições ou se precisa aumentá-las, dependendo do resultado da pesquisa”, aponta Moretti.

O investimento total nos três mil testes e na capacitação e contratação de profissionais é de R$ 93,2 mil.

Os primeiros 1,5 mil testes rápidos estão sendo pagos pela Acijs. Os outros 1,5 mil testes serão pagos pela Secretaria de Saúde de Jaraguá do Sul.

 

Com informações da assessoria de imprensa

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul

Acompanhe a evolução da pandemia de Covid-19 em Jaraguá do Sul aqui.