Por Verônica Lemus | Foto Eduardo Montecino/ArquivoOCP Os vereadores de Jaraguá do Sul aprovaram na última quinta-feira (8) as contas do ex-prefeito Dieter Janssen (PP) relativas ao exercício de 2015, em votação única durante sessão extraordinária. O presidente da Câmara, Pedro Garcia (PMDB), se manifestou na tribuna pela aprovação das contas, acatando o parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Em sua avaliação, o presidente considera que o parecer do TCE foi bastante descritivo e também muito bem analisado pela Comissão de Finanças da Câmara de Vereadores, que igualmente emitiu parecer favorável para a aprovação das contas. Garcia informou que o tribunal também apontou algumas recomendações, inclusive à Câmara de Vereadores, para ficar atenta às restrições recorrentes. “Anotei algumas restrições que foram mais de equívocos de datas, atraso no repasse de informações, divergência entre valores apurados entre uma conta e outra, ausência de encaminhamento de documentação e também algumas não observâncias de data. Mas tudo o que apuramos não trouxeram prejuízo ao erário público”, avaliou o presidente. Ele salientou ainda que o TCE é responsável pela apuração das contas, mas que acatar ou rejeitar o parecer é prerrogativa do Legislativo, e também recomendou aos demais vereadores que votassem pela aprovação das contas.