O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) defendeu a isenção de motos no pagamento de pedágios de rodovias, nesta segunda-feira (10/5), durante conversa com apoiadores.

Bolsonaro foi abordado por um simpatizante que lhe disse ser indevida a cobrança de pedágio de motos por eixo, visto que esses veículos não possuem eixos.

“Tem contratos antigos que eu não posso passar por cima. Eu já acertei com o Tarcísio [Gomes de Freitas, ministro da Infraestrutura] botar nas futuras concessões ali… A gente tira a moto fora”.

Tramitam na Câmara dos Deputados alguns projetos de lei que preveem a proibição da cobrança de pedágio para motos. Mas nenhum deles avançou até hoje.