A Prefeitura de Jaraguá do Sul começa a dar os primeiros passos para deixar os equipamentos públicos mais sustentáveis. Nesta semana, foram abertos dois editais para contratação de empresas que realizarão a instalação de energia solar na Arena Jaraguá e no Ginásio Arthur Müller.

De acordo com levantamento prévio da Prefeitura, a expectativa é que o investimento em energia limpa para os dois espaços fique em aproximadamente R$ 540 mil. Para o edital do Arthur Müller, a abertura dos envelopes com as propostas das empresas interessadas está previsto para o dia 13 de junho, enquanto a previsão para a Arena é no dia 18 de junho.

O prazo para execução da obra será de 30 dias após o recebimento da ordem de serviço, que será emitida 30 dias após a assinatura do contrato, podendo ser prorrogada caso haja problema no processo licitatório.

O prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli, conta que quando assumiu o governo se assustou com a gestão pública, citando que 95% da administração pública no Brasil está décadas atrasada.

"Nossa equipe vem desde 2017 trabalhando para mudar isso, desburocratizando, simplificando, fazendo gestão eficiente e inovando", destaca.

Segundo Lunelli, a implantação da energia solar, começando por dois grandes equipamentos esportivos, só mostra a filosofia da trabalho de sua gestão. O prefeito diz que algumas escolas devem ser beneficiadas com o sistema depois da implantação na Arena e no Arthur Müller.

"Até que para esse modelo faça história na rotina dos nossos estudantes", completa.

O prefeito ainda lembra que nesta semana os jaraguaenses receberam a notícia de que a Embraer e a Weg firmaram um acordo de cooperação científica para desenvolver novas tecnologias e soluções para viabilizar a propulsão elétrica em aeronaves.

"Nossas empresas estão sempre um passo à frente nesse mercado de inovação, o poder público precisa acompanhar e ser também indutor da mudança. A energia limpa traz um novo paradigma ambiental", defende.

 

Expectativa de economia

Segundo o diretor de administração Harysson Passig, o gasto médio com a conta de luz no Arhur Müller é de R$ 2,5 mil por mês e o investimento para implantação da energia solar no local é de R$ 115 mil - R$ 103,5 mil de material e 11,5 mil de mão de obra. O valor será recuperado em cinco anos, quando o valor líquido chegar a R$ R$ 9,6 mil.

O investimento para a instalação na Arena Jaraguá está previsto em cerca de R$ 420 mil. A fatura de energia média ao mês do local R$ 10 mil. O processo para recuperar o valor investido demorará um pouco mais. no oitavo ano o valor líquido estará positivo pela primeira vez: R$ 45,8 mil.

Valor líquido nos próximos 10 anos (Arthur Müller)

Investimento: -R$ 115 mil
Ano 1: -R$ 86,1 mil
Ano 2: -R$ 59,7 mil
Ano 3: -R$ 34,9 mil
Ano 4: -R$ 11,8 mil
Ano 5: R$ 9,6 mil
Ano 6: R$ 29,7 mil
Ano 7: R$ 48,4 mil
Ano 8: R$ 65, mil
Ano 9: R$ 81,8 mil
Ano 10: R$ 96,8 mil

Valor líquido nos próximos 10 anos (Arena Jaraguá)

Investimento: -R$ 425 mil
Ano 1: -R$ 359,6 mil
Ano 2: -R$ 297 mil
Ano 3: -R$ 236,4 mil
Ano 4: -R$ 176,8 mil
Ano 5: -R$ 118,7 mil
Ano 6: -R$ 62,5 mil
Ano 7: -R$ 7,5 mil
Ano 8: R$ 45,8 mil
Ano 9: R$ 97,9 mil
Ano 10: R$ 148,6 mil

Após 10 anos, o valor líquido comparado ao preço que seria pago na fatura de energia da Arena Jaraguá é estimado R$ 148.653,40. Passing destaca que a taxa de retorno interna (TIR) para o período é de 16,76%.

No Arthur Müller, ao final de 10 anos o valor líquido previsto é de R$ 96.895,51, ou seja, teria o investimento pago e ainda recurso financeiro praticamente para instalar um novo sistema similar. A taxa de retorno interna para o período é de 26,48%.

Quer receber as notícias no WhatsApp?