Após ser eleito, Zé Trovão pede ao STF retirada de tornozeleira

Foto: Reprodução

Por: Claudio Costa

04/10/2022 - 09:10 - Atualizada em: 04/10/2022 - 09:57

A defesa do bolsonarista Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, pediu ao STF (Supremo Tribunal Federal) um pedido pela revogação do uso de tornozeleira eletrônica e de outras medidas cautelares.

Zé Trovão foi eleito deputado federal pelo PL (Partido Liberal) em Santa Catarina após receber 71 mil votos. O caminhoneiro assumirá o mandato em fevereiro de 2023.

“Após árdua discussão jurídica, apresentação, prisão domiciliar e liberdade para transitar pelo estado de Santa Catarina e, por estar com seus direitos políticos íntegros, foi registrada sua candidatura e eleito como deputado federal pelo estado de Santa Catarina. O próximo passo, no âmbito jurídico, será comunicar oficialmente o STF da superveniência deste fato novo, objetivando a abolição ou, ao menos, a flexibilização das medidas, em respeito a vontade popular, consagrada nas urnas, para que possa livremente exercer seu mandato”, afirmou a defesa do deputado, em nota.

A defesa confirmou que o pedido já foi apresentado ao STF na tarde desta segunda (3).

A ação em que ele foi protocolado corre sob sigilo no Supremo.

*Com informações de CNN.