Os deputados estaduais aprovaram nesta quarta-feira (8) indicação solicitando ao governo do Estado medidas para socorrer bananicultores e demais agricultores da região Norte que tiveram plantações arrasadas pelos fortes ventos provocados pelo ciclone que atingiu Santa Catarina no dia 30 de junho. Muitos produtores tiveram mais de 90% das plantações destruídas.

Proposta pelo deputado Vicente Caropreso (PSDB), a indicação pede a liberação de recursos, criação de linhas de crédito com juro zero, assistência técnica e distribuição de mudas e insumos agrícolas para que os produtores de banana possam reestruturar as áreas de plantio.

“O canto do Estado que mais produz banana foi duramente atingido, deixando produtores com enormes prejuízos. É preciso apoio urgente para que eles possam se reerguer, ter capital de giro para passar por esse momento e voltar a produzir o mais rápido possível”, afirmou.

Da plantação à colheita, a produção de banana leva até 14 meses. Além da bananicultura, a produção de palmáceas e plantas ornamentais também foi comprometida.

Reunião entre produtores e representantes do governo

Caropreso realizou na terça-feira (7) reunião virtual com produtores de banana, prefeitos e demais lideranças da região Norte e Nordeste em que foi apresentada uma pauta de reivindicações ao Secretário da Agricultura Ricardo Gouveia, ao secretário da Casa Civil Juliano Chiodelli e para a presidente da Epagri Edilene Steinwandter.

Durante a reunião foi anunciado que pelo menos R$ 5 milhões, dos R$ 30 milhões que a Assembleia Legislativa vai destinar ao Executivo para socorro das vítimas do ciclone, serão destinados aos agricultores afetados.

A Epagri também se comprometeu a dar agilidade na produção de laudos de perdas agrícolas e ampliar a cota de calcário para preparar o solo para o replantio.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul