O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Julio Garcia (PSD), acatou parecer da Procuradoria Jurídica da Alesc pelo recebimento de representação com pedido de impeachment do governador Carlos Moisés da Silva (PSL) e da vice-governadora Daniela Reinehr (sem partido) por suposto crime de responsabilidade na concessão de aumento salarial a procuradores do Estado por meio de decisão administrativa, visando à equiparação com os salários dos procuradores da Alesc.

A decisão foi lida pelo presidente no início da sessão desta quarta-feira (22).

“Recebido ontem pela Presidência, nos próximos dias darei segmento e despacharei na forma do regimento e da legislação vigente”, informou Julio Garcia.

Ainda não há uma posição do governador e da vice sobre a decisão da Assembleia Legislativa de SC.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp