Faleceu na manhã desta terça-feira (6), aos 88 anos de idade, o ex-vereador de Corupá, Sérgio Menel. Ele estava internado no Hospital São José, em Jaraguá do Sul, após sofrer uma queda em casa e fraturar a perna.

O velório acontece no Centro de Velórios União, a partir das 12h, e o sepultamento ocorrerá às 17h, no cemitério municipal, no Bairro Seminário.

Menel foi vereador eleito na 9ª legislatura (01/01/1993 a 31/12/1996) e Presidente da Câmara de Vereadores de Corupá (01/07/1996 a 31/12/1996). Aposentou-se em 1999, aos 65 anos, mas nunca deixou de participar de atividades comunitárias. Muito conhecido na cidade, Sérgio Menel era visto diariamente passeando com a sua bicicleta. Ele deixa a esposa Sheila Stazack Menel, os filhos Sérgio Antônio e Eliane, e os netos João Victor e Lorenzo.

Sérgio Menel nasceu em Jaraguá do Sul no ano de 1934

Sérgio Menel nasceu em Jaraguá do Sul, no dia 23 de junho de 1934. Filho de Thomaz Menel e Rosa Silveira (in memoriam). O casal teve dez filhos: Eleonora, Sérgio, Dulcídio, Maria, Vilmar (in memoriam), José, Odila, Nélcio (in memoriam), Zélia e Natalício. Com exceção de Zélia, que mora em Joinville, os demais irmãos moram em Jaraguá do Sul. Seu pai Thomaz alcançou grande longevidade, falecendo em 2017, com 104 anos.

Atuação na política

Menel e alguns amigos, como Tito Steingraber, fundaram o MDB. Sérgio foi o terceiro filiado, atrás de Jorge Pinter e Abrão Sofiati. Na ocasião, os apoiadores elegeram Tito, que se tornou prefeito por uma diferença de apenas 19 votos, contra os candidatos Alvin Seidel e Kurt Hillbrecht, fato que marcou as eleições em Corupá.

Sérgio foi candidato a vereador nas eleições de 1988 pelo PMDB e não se elegeu por apenas um voto. Ficou como suplente e assumiu o mandato algumas vezes. Nessa 8ª legislatura (01/01/1989 a 31/12/1992), na gestão do prefeito Ernesto Felipe Blunk, foram eleitos Alfredo Bosse, Antônio Vicente Tureck, Herbert Arno Mohr, Herrmann Suesenbach, Luiz Carlos Malmgrenn, Luiz Carlos Tamanini, Luiz Cieply, Pedro Alves e Vigando Millnitz.

Na eleição seguinte, em 1992, Sérgio foi eleito como o 3º vereador mais votado, na primeira gestão do prefeito Adelino Hauffe. Nessa 9ª legislatura (01/01/1993 a 31/12/1996 ) foram eleitos Albano Melchert, Antônio Ricardo Hillbrecht, Antônio Vicente Tureck, Conrado Urbano Muller, Egon Kuhl, Elisio Wedderhoff, Herbert Arno Mohr, Luiz Carlos Tamanini, Paulo Miguel Schultz e Pedro Alves.

Em seu mandato de vereador, Sérgio Menel apresentou várias indicações. Além das corriqueiras, destacaram-se os calçamentos das ruas João Tozini, Augustinho Oliari e Domingos Salvador. Menel guardava com carinho os manuscritos dos projetos que indicou. Para ele, o papel do vereador é estar na rua, verificando os problemas e suas possíveis soluções.

“Hoje tudo é muito burocrático e se perde muito tempo com papéis, atrasando a realização do que precisa ser feito”, afirmava.

Depois das eleições de 2000, Sérgio Menel sempre trabalhou em campanhas políticas, auxiliando e ajudando candidatos a prefeito e vereador.

Funções e cargos que ocupou

-Presidente do Clube de Futebol Estrela, em Nereu Ramos;
- Participação na fundação do MDB em Corupá, sendo o 3º filiado;
- Participação na fundação do Grupo Escoteiro Leon Dheon, em 1985;
- Participação na fundação do Corpo Voluntário de Bombeiros;
-Participação na fundação do Coral Ecumênico de Corupá, em 28 de agosto de 1988;
-Presidente da Sociedade Esportiva e Recreativa Hansa Humboldt, por 4 anos;
-Auxiliou no término da construção da Sociedade Hansa Humbold;
- Foi comandante de Marcha na Schützenfest por 30 anos;
-Participação em competições de tiro e bolão. Foi rei em três ocasiões;
- Fiscal da Tributação, na Prefeitura de Corupá, por 4 anos, no período de 2001/2004;
- Voluntário do grupo da 3ª Idade por 10 anos;
- Vereador Suplente na 8ª legislatura (01/01/1989 a 31/12/1992);
-Presidente da Câmara de Vereadores (01/07/1996 a 31/12/1996);
-Vereador eleito na 9ª legislatura (01/01/1993 a 31/12/1996;
-Presidente da Câmara de Vereadores (01/07/1996 a 31/12/1996).