Você sabia que nesta segunda-feira (29) a população mundial acabou com toda a cota de recursos naturais disponíveis para 2019? Isso significa que o “orçamento ambiental" do ano se esgotou com cinco meses de antecedência, diminuindo a capacidade da natureza de se regenerar de forma sustentável em elementos como madeira, água, solo fértil e fauna.

Com o objetivo de tentar reverter esse cenário, a Global Footprint Network iniciou um movimento mundial de conscientização, o Earth Overshoot Day (Dia da Sobrecarga da Terra). No Brasil, o Zoo Pomerode foi a única instituição a aderir à mobilização.

Foto Divulgação/Furb

O maior zoológico de Santa Catarina planejou junto com alunos do curso de ciências biológicas da Furb (Universidade Regional de Blumenau) atividades de conscientização para sensibilizar o público sobre a importância da adoção de práticas sustentáveis e de respeito ao meio ambiente.

Para chamar a atenção de quem estava no local, a iniciativa utilizou pegadas de alguns animais da fauna brasileira ameaçados de extinção. As marcas no chão formaram um caminho que levava o visitante a descobrir quem tem a maior pegada e, por meio de vídeos e painéis explicativos, revelava que a espécie que deixa a maior pegada ambiental são os seres humanos.

Foto Divulgação

Para Tays Daiane Izidoro, bióloga do Zoo Pomerode, todas as oportunidades de conscientização do público devem ser aproveitadas para lembrar sobre o impacto que a espécie humana causa no planeta e “estimular as pessoas para uma mudança de atitude”.

Ficou curioso para saber qual é o tamanho da sua pegada ecológica? Entre no site e descubra formas de diminuir o seu impacto no planeta!

Quer receber as notícias no WhatsApp?