Entre os questionamentos que seguem gerando dúvidas na população de Criciúma estão assuntos envolvendo educação. Por conta disso, a vereadora Giovana Mondardo (PCdoB) esteve nesta quinta-feira com o secretário de Educação Miri Dagostim debatendo sobre ações da pasta para o início do ano letivo de 2021.
Durante a conversa, foi informado que o processo seletivo para Admissão por Caráter Temporário (ACT) será adiado para setembro e aqueles que se inscreveram e não quiserem mais fazer a prova, poderão pedir o reembolso em até 60 dias; Além disso, a intenção é que o TAC dos ACTs 2020 siga acontecendo para este ano, mas dependerá de um parecer jurídico.
De acordo com a vereadora, este tipo de diálogo fomenta a prática da boa política.

"Procurei o secretário para solucionar algumas dúvidas e reivindicações e me colocar à disposição da construção de boas práticas para todos", destacou Giovana.


Cuidados com o coronavírus


Durante a conversa, foi destacado pela vereadora a preocupação sobre o retorno às salas de aula. Um formulário foi disponibilizado pela secretaria para verificar quantos pais pretendem mandar as crianças para as aulas presenciais. Aqueles que não optarem, terão atividades remotas.
Sobre os profissionais, a vereadora questionou a possibilidade dos professores serem adicionados ao plano de vacinação ao coronavírus, tão logo que os profissionais de saúde, idosos institucionalizados e grupos de risco sejam vacinados.
"Queremos que os profissionais da educação sejam respeitados, valorizados, e tenham a possibilidade de proteção contra a Covid-19 também, já que estarão diretamente em contato com os estudantes. Que as crianças e jovens em idade escolar de Criciúma tenham a garantia de um ensino de qualidade. Por isso, sigo à disposição para quaisquer eventuais dúvidas", completou.

CriciúmaPrev em pauta


Ainda durante a quinta-feira, Giovana Mondardo esteve em duas reuniões para saber mais detalhes sobre o projeto de reforma do CriciúmaPrev. Pela manhã, ela esteve na sede do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Criciúma e Região (Siserp) conversando com representantes sobre suas avaliações e discordâncias com o projeto apresentado.
Durante a tarde, junto aos demais vereadores, ela esteve no Paço Municipal Marcos Rovaris, no Salão Ouro Negro, em que houve mais explicações por parte do Executivo sobre o Projeto de Lei, que será votado em sessão Extraordinária nesta sexta-feira, dia 22, a partir das 17h na Câmara de Vereadores de Criciúma.


Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp