As vendas no comércio varejista catarinense para o dia das crianças registraram aumento de 2,90% em relação ao ano anterior, seguindo a tendência apresentada pela Federação das CDLs de Santa Catarina (FCDL/SC). “O balanço é positivo para o comércio, visto que a recuperação da economia segue em um ritmo ainda lento. Porém alguns fatores contribuíram para o volume de vendas, como a liberação do auxílio emergencial, a redução da taxa de desemprego e a taxa de juros baixa”, avalia Ivan Roberto Tauffer, presidente da entidade.

O dia das crianças é a última data comemorativa antes do Natal e serve como indicativo para os próximos meses. “Os dados sinalizam como serão as vendas de fim de ano e demostram que um quadro pior possivelmente já tenha passado. Será necessário avaliar o cenário daqui para a frente. Este ritmo precisa continuar evoluindo para que os empresários tenham um fôlego depois de tanto prejuízo em função da pandemia”, acrescenta Tauffer.

Desde o início da pandemia a entidade lançou campanhas como ‘Comércio Consciente’, disseminando a importância das práticas que podem preservar a saúde dos envolvidos, e ‘A gente se reinventa’, para estimular o comércio local e fomentar a economia de cada município.

Em novembro, o setor é impulsionado também pela Black Friday, tradição internacional que foi incorporada pelo varejo brasileiro. Sempre na última sexta-feira do mês, dia 27/11 neste ano, as lojas de diferentes segmentos preparam promoções e descontos especiais para limpar os estoques para o Natal.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp