Uma das campanhas de solidariedade mais aguardadas do ano, o Papai Noel dos Correios, será lançada oficialmente nesta segunda-feira (4). Em Santa Catarina, o lançamento oficial será realizado no dia 7 de novembro.

Em parceria com 159 instituições de 50 municípios catarinenses, a campanha este ano tem 14 mil cartinhas para adoção no Estado.

O período de adoção das cartas em Santa Catarina vai de 7 a 29 de novembro.

Os presentes devem ser entregues na agência em que a cartinha foi adotada até 4 de dezembro.

Como funciona a ação

Na campanha, a empresa recebe as cartinhas de crianças que enviaram seus pedidos diretamente ao Papai Noel e, também, de estudantes das escolas da rede pública (até o 5º ano do Ensino Fundamental) e de instituições parceiras, tais como creches, abrigos, orfanatos e núcleos socioeducativos.

Desde 2010, os Correios estabeleceram essas parcerias com as Secretarias de Educação, a fim de trabalhar ações como o desenvolvimento da habilidade da redação de carta, o endereçamento correto e o uso do CEP.

Os pedidos das crianças são enviados aos Correios pelas escolas, lidos, selecionados e disponibilizados para adoção nas agências participantes da campanha.

Quem contribui com a campanha, entrega o presente na própria agência em que adotou a carta. Os Correios se responsabilizam pelo envio posterior dos presentes para as escolas.

Não é permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança nunca é divulgado ou informado ao padrinho.

Atenção

Vale lembrar que Os Correios não distribuem cartas para adoção diretamente à população, em suas residências.

As cartinhas do Papai Noel dos Correios ficam disponíveis apenas nas agências participantes.

Para que a empresa possa acompanhar as adoções e as entregas dos presentes, os padrinhos devem cadastrar o CPF ou CNPJ.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger