A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) aprovou uma resolução que regulamenta, em caráter excepcional e temporário, a graduação virtual de formandos.

A medida ocorrerá enquanto durar a emergência de saúde pública relacionada ao novo coronavírus e, na prática, dispensa a presença física dos alunos em locais que levem à aglomeração de pessoas.

Por volta de cem alunos de graduação da Udesc tiveram suas formaturas canceladas nas últimas semanas e agora contarão com uma alternativa segura para colar grau.

A Resolução nº 015/2020 do Conselho Universitário (Consuni) foi autorizada pelo reitor, Dilmar Baretta, e passa a valer imediatamente, antes de ser analisada pelo conselho.

Como funcionará

A outorga de grau será realizada por meio de solução tecnológica definida pela universidade que permita a participação remota dos formandos, do reitor ou do seu representante e de demais autoridades.

A colação de grau é destinada aos estudantes que concluírem regularmente o curso de graduação, após o encerramento do respectivo período letivo, em data pré-fixada no Calendário Acadêmico 2020.

Na impossibilidade de colar o grau na data prevista no calendário, é possível justificar e propor uma nova data. De acordo com a resolução, a outorga de grau em gabinete deverá ser solicitada pelo acadêmico mediante requerimento à direção-geral do centro de ensino.

"É um momento complexo em que precisamos flexibilizar as regras para atender os formandos que esperam pela colação e o tão sonhado diploma", diz o pró-reitor de Extensão, Cultura e Comunidade, Mayco Morais Nunes.

Confira todas as ações desenvolvidas pela Udesc no combate à pandemia do novo coronavírus no site udesc.br/coronavirus.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul