O Gabinete de Gestão Integrada (GGI), grupo formado por gestores da prefeitura e diversos órgãos e entidades para tratar da segurança pública em Tubarão, criou nesta segunda-feira (26) uma força-tarefa para oferecer acolhimento a moradores de rua durante a noite nesta semana. A previsão do tempo indica temperaturas próximas de 0ºC na região nos próximos dias e a prioridade é dar apoio a esse público.

Participaram da reunião o prefeito Joares Ponticelli e vários secretários, representantes do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar e membros de entidades que auxiliam moradores de rua como Conselho de Pastores Evangélicos de Tubarão (Conpet), Cáritas Diocesana e a fraternidade O Caminho. A força-tarefa será coordenada pela Fundação Municipal de Desenvolvimento Social e secretaria de Segurança, Trânsito e Patrimônio através da Guarda Municipal

Foco da ação

O foco da força-tarefa é tentar encaminhar o maior número possível de pessoas em situação de rua para passarem a noite na instituição Associação João 3:16, localizada na Rua Coronel José Martins Cabral. Doações de cobertores e mantas para aqueles que recusarem o acolhimento e preferirem permanecer na rua serão feitas, no entanto será feita a insistência em casos de risco iminente de morte.

“A vida é o mais importante de tudo e se for constatado o risco iminente de morte a pessoa em situação será levada ao abrigo pela força-tarefa”, disse o prefeito Joares Ponticelli.

O diretor-presidente da Fundação Municipal de Desenvolvimento Social André Fretta May destacou que as famílias atendidas pelo CRAS e pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) receberam apoio para esses dias mais frios recentemente. Foram repassados cerca de 500 cobertores, sendo que mais 100 serão entregues nos próximos dias e outros 200 serão comprados em seguida para o restante do inverno.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp