O Governo de Santa Catarina publicou um decreto suspendendo o funcionamento de serviços não essenciais das 23h desta sexta-feira, 26 de fevereiro, até as 06h de segunda-feira, 1º de março.

 

 

Porém, algumas cidades do estado decidiram impor um lockdown mais rígido para controlar a disseminação do vírus.

As cidades que adotaram lockdowns mais rígidos em SC

Chapecó

O prefeito de Chapecó anunciou na última segunda-feira (22), um lockdown parcial e toque de recolher entre às 22h e 5h, desde terça-feira (23) até este domingo (28).

Entre esses horários é permitida a circulação apenas em casos de emergência.

O que pode funcionar na cidade

  • supermercados com 30% da capacidade
  • farmácias
  • postos de combustíveis
  • transporte coletivo com 50% da capacidade
  • atendimento na área da saúde
  • oficinas mecânicas
  • indústrias
  • funerárias
  • coleta de lixo

Concórdia

A prefeitura de Concórdia divulgou na manhã desta sexta-feira (26), que iniciará lockdown no município a partir das 18h desta sexta-feira até às 6h da quarta-feira (3).

A medida, no entanto, poderá ser ampliada caso os números da Covid-19 piorem até lá.

O que pode funcionar na cidade

  • assistência à saúde
  • atividades de segurança pública
  • transporte de passageiros por táxi ou aplicativo
  • telecomunicações e internet
  • produção, distribuição, comercialização e entrega de produtos de saúde, higiene, alimentos
  • serviços funerários
  • caixas bancários eletrônicos
  • serviços postais
  • transporte de cargas
  • atividades do Poder Judiciário e Ministério Público
  • clínicas veterinárias e casas agropecuárias
  • atividades de advogados e contadores
  • atividades da imprensa
  • atividades industriais
  • hotéis

Itá

Em razão do número de pessoas contaminadas com Covid-19 e para frear o avanço da doença, a prefeitura de Itá emitiu um novo decreto.

As restrições passaram a valer nesta quinta-feira (25) e seguem até o domingo (7).

O que pode funcionar na cidade

  • supermercados
  • lanchonetes
  • padarias
  • farmácias
  • postos de combustíveis
  • tele-entrega das 10h às 14h e das 18h às 22h
  • hotéis com 50% da capacidade máxima
  • postos de saúde das 7h às 13h