Durante coletiva de imprensa, a Prefeitura de Gaspar reiterou que o trecho das ruas Dr. Nereu Ramos e Anfilóquio Nunes Pires (rodovia Jorge Lacerda), no bairro Coloninha, que cedeu após um deslizamento de terra nesta terça-feira (18), seguirá totalmente interditado para o trânsito de veículos por tempo indeterminado.

A medida foi tomada com base em laudos técnicos para garantir a segurança das pessoas, uma vez que o peso dos veículos aliado à instabilidade do solo pode ocasionar algum acidente grave.

Durante o feriado, a recomendação é que os motoristas que pretendem se deslocar para outras cidades da região e veículos pesados utilizem exclusivamente a BR-470. Já o trânsito local de veículos leves pode ser feito por meio da Estrada Geral Águas Negras.

Abertura de via alternativa

Além da Estrada Geral Águas Negras, a Prefeitura de Gaspar começou a trabalhar na abertura de uma segunda alternativa temporária para ajudar na vazão do trânsito local.

A nova rota será realizada a partir da rua Olga Bohn, passando pela rua José Casas, onde dois terrenos particulares foram cedidos para passagem do tráfego, e finalizando na rua Paulo Evaldo Gaetner.

A liberação dessa via alternativa está prevista para sexta-feira (21), mas depende da evolução dos trabalhos de limpeza da área e macadamização da via.

Trabalhos emergenciais

Segundo a Prefeitura, algumas ações emergenciais estão sendo realizadas para conter o deslizamento de terra e estabilizar o talude, entre eles uma contenção temporária, o rebaixamento da pista e estudos do solo para definir o projeto de recuperação do trecho.

Posteriormente, a Administração Municipal pretende buscar recursos junto aos governos estadual e federal para realizar as obras necessárias e liberar o trânsito.

Quer receber as notícias no WhatsApp?