Neste fim de semana, Criciúma deve receber o chamado “teste rápido” para detecção do novo coronavírus.

A informação foi repassada no final da tarde desta sexta-feira pelo secretário de Saúde, Acélio Casagrande.

O município adquiriu dez mil unidades.

“Devemos receber ou amanhã ou domingo. Neste primeiro momento, os testes serão disponibilizados para aqueles que trabalham atendendo as pessoas, que estão na linha de frente”, explica.

Conforme boletim divulgado pelo responsável pela pasta, foram colhidas 256 amostras em Criciúma e deste número 112 já foram descartados.

São 21 casos confirmados na cidade sendo oito pacientes já recuperados do novo vírus.

“Entre confirmados e suspeitos, temos cinco pacientes em UTI, alguns deles em estado bastante grave”, lamentou.