As fiscalizações foram feitas nos Ingleses, nas proximidades do Shopping Barranorte | Foto PMF/Divulgação

As fiscalizações foram feitas nos Ingleses, nas proximidades do Shopping Barranorte | Foto PMF/Divulgação

A Prefeitura Municipal de Florianópolis (PMF), por meio da Vigilância Sanitária, da Floram e do Programa Floripa Se Liga Na Rede, e a Casan realizaram nova ofensiva contra as ligações irregulares de esgoto em Florianópolis.

As fiscalizações foram feitas nos Ingleses, nas proximidades do Shopping Barranorte. O próprio empreendimento foi autuado pela Vigilância em Saúde, que solicitou adequações no prazo de 30 dias. Irregularidades nas caixas de passagem e gordura, retirada da tubulação de água pluvial da rede de esgoto foram alguns dos problemas encontrados.

Na Servidão do Jura, uma residência foi autuada pela Vigilância e recebeu multa da Floram devido ao lançamento de esgoto a céu aberto. Foi determinado pelos órgãos de fiscalização o prazo de cinco dias para que o proprietário faça o esgotamento dos tanques sépticos (necessita chamar o limpa fossa) e adequação do sistema de tratamento do imóvel às normas técnicas.

A blitz nos Ingleses continua até quarta-feira (24) e ações desse tipo devem ocorrer até o final do ano, passando por Cacheira do Bom Jesus, Canasvieiras, Lagoa da Conceição, Praia Brava, Lagoinha, Jurerê Internacional e Campeche.

A blitz nos Ingleses continua até quarta-feira (24) | Foto PMF/Divulgação

Paralela às blitzes, PMF e Casan dão seguimento ao Programa Se Liga Na Rede, que atende mensalmente bairro a bairro, visando conscientizar os moradores e promovendo a regularização das ligações de esgoto dos imóveis inspecionados pelas equipes.

O Bom Abrigo, bairro que possui rede em operação há 30 anos, foi a primeira região em que o Floripa Se Liga Na Rede desenvolveu ações nesta nova fase. Entre 3 de setembro e 19 de outubro, 166 imóveis foram inspecionados. Destes, 71%  apresentaram pelo menos uma inadequação na instalação da rede de esgoto.

Entre os problemas mais encontrados, em número de casos, foram: ausência da caixa de gordura (59); água pluvial conectada na rede de esgoto (46); conexão parcial na rede de esgoto (40); caixa de gordura sem sifão (32); ligação inadequada na caixa de gordura (23) e esgoto conectado à rede pluvial (19.

O próximo bairro a receber o Programa será o Abraão, entre 29 de outubro e 29 de novembro.

 

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?