O setor de eventos tem sido um dos mais prejudicados pelas medidas restritivas necessárias a prevenção do novo coronavírus. Em Criciúma, representantes do setor participaram de encontro com o secretário de Estado da Saúde, André Motta, para buscar meios de retomar algumas atividades seguindo os cuidados necessários.

“Faz cinco meses que estamos parados, sem expectativa nenhuma. Não queremos que tudo volte ao normal, temos consciência da gravidade do vírus, mas precisamos ao menos ‘engatinhar’, voltar aos poucos com o que for possível no setor de eventos”, afirmou o cantor Neguinho, que esteve no encontro.

Segundo o cantor, um plano será elaborado com estratégias e medidas de prevenção que possibilitem a realização de eventos seguindo as recomendações do Estado. “Vamos pensar em regras, em shows, por exemplo, que as pessoas assistam das mesas, distantes um dos outros, possivelmente ao ar livro. Claro, sempre com a redução da capacidade de ocupação nos locais”, completou.

Um novo encontro será marcado para que o Estado possa analisar os pedidos do setor.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul