O segredo da juventude foi por anos perseguido. Gerações concentraram energias em descobrir o que fazer para se manter jovem. Porém, não há segredo, não há milagre, há, no entanto, hábitos capazes de tornar o envelhecimento saudável e até mesmo retardá-lo, garantem especialistas.

Pensando em conscientizar a população sobre a adoção desses hábitos capazes de fazer com que o envelhecimento aconteça de maneira a promover o bem-estar, o Núcleo de Saúde e Bem-Estar da Acijs (Associação Empresarial de Jaraguá do Sul) traz nesta quarta-feira (21), a partir das 18h30, o Seminário de Longevidade.

Integrando a programação estão três médicos especialistas em longevidade que falarão ao público como envelhecer com qualidade focando no bem-estar e em hábitos saudáveis para o corpo e a mente.

A atividade será aberta às 18h30, com oficinas e demonstrações de produtos e serviços, degustação de refeições saudáveis, técnicas de meditação e diversos testes de saúde.

Em seguida, a paratleta Maria Helena Rigel Eggert e Ivone Bueno da Rocha contarão suas experiências de vida, salientando o poder de um estilo de vida saudável.

Ivone considera o evento de extrema importância para aqueles que buscam ajuda, mas não sabem onde encontrar e salienta o quanto isso teria sido fundamental em sua própria história.

Perdendo 26 quilos com reeducação alimentar e exercícios físicos, ela conta que a mudança foi além. Hoje Ivone acumula medalhas e troféus graças às corridas.

“Eu espero que consiga ajudar mais pessoas com o meu depoimento porque quando eu precisei, não encontrei ninguém que pudesse me ajudar", comenta.

"Hoje estou com uma alimentação bem balanceada, me sentindo super bem. É como se eu revivesse. Costumo dizer que esse é o primeiro dia de muitos, que eu comecei a viver agora", completa.

A partir das 19h30, inicia o painel com a participação de especialistas. Os médicos Agnaldo Pandini, Amaury Teixeira e Rita Grubba dividirão o conhecimento e as dicas para um envelhecimento saudável.

O evento contará ainda com a mediação de Jefferson Galdino, diretor do Sesi em Jaraguá do Sul. A entrada para o evento é um quilo de alimento não perecível.

É preciso se conhecer

Abrindo o painel, o médico Agnaldo Pandini trabalha com a integração entre corpo, mente e energia, tendo como foco o autoconhecimento.

Para ele, é fundamental que cada pessoa pense em cuidar de si mesma como um todo.

“Independente de quanto tempo a pessoa for viver, que ela viva com qualidade. Então, vamos falar sobre autoconhecimento, sobre ter um propósito”, diz.

Os vilões da longevidade

  • As pessoas precisam ter a longevidade como objetivo de vida, se não tem, isso se torna um “vilão”;
  • Não colocar o objetivo em prática;
  • Não individualizar. Para o médico, um erro crucial é não ver cada pessoa como única, não entender o contexto.

Dicas de longevidade

  • Saber e conhecer o que quer;
  • Buscar, a partir de boas referências, ajuda para colocar em prática, tratando-se sempre como “único”;
  • Persistir no objetivo fazendo um acompanhamento a longo prazo.

Envelhecer com qualidade

O foco está na saúde da mulher e nas novas perspectivas de saúde para que elas tenham um melhor desempenho metabólico, hormonal e até mesmo do ciclo menstrual fazendo com que a qualidade de vida se eleve e exista uma prevenção de doenças a partir dessas orientações.

“A fonte da juventude não existe, mas existem medidas que podem ser tomadas para que se envelheça com qualidade”, afirma o médico Amaury Teixeira.

Os vilões da longevidade

  • O carboidrato é o principal bandido da história (açúcar e farinhas refinadas).

Dicas de longevidade

  • Alimentação saudável;
  • Atividade física;
  • Qualidade do sono.

Vida em equilíbrio

Com a fala ligada à medicina tradicional chinesa sendo integrada a medicina ocidental, Rita Grubba propõe uma integralidade para promover uma vida com qualidade, um envelhecimento pautado no bem-estar.

Para ela, os rins são peças fundamentais que precisam de atenção, são a “poupança” da vida.

“Manter uma alimentação adequada, praticar atividade física e ter sempre bom humor, aí está o segredo: manter o espírito jovem, com boas energias e não dar ao corpo tudo que ele pede, porque ele só vai pedir coisas ruins”, completa.

Os vilões da longevidade

  • Excessos principalmente na alimentação, bebida alcoólica e cigarros;
  • Não praticar atividade física;
  • Não manter o espírito saudável.

 Dicas de longevidade

  • Manter sempre uma atividade física na qual trabalhe a respiração;
  • Ter tempo para si mesmo;
  • Ter uma visão voltada para si.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?