A Secretaria de Estado da Saúde estuda liberar o uso de máscaras em ambientes externos já no final de outubro ou a partir de novembro conforme o avanço da vacinação em Santa Catarina e tomando como base a melhorar no cenário de contaminação, com base no Mapa de Risco.

A vacinação no estado já alcançou quase 80% da população que pode receber as doses com ao menos um aplicação e 50% com o ciclo completo – duas doses ou apenas uma para quem tomou a Janssen.

 

 

O Mapa de Risco apresentado no sábado (24), indicou que pela primeira vez este ano, a Matriz de Risco Potencial apresentouregiões em risco gravíssimo (cor vermelha) para a Covid-19. Apenas a região Nordeste está em risco grave (cor laranja), 13 regiões apresentam risco alto (cor amarela) e três foram reclassificadas para o risco potencial moderado (cor azul).

Conforme o secretário André Motta Ribeiro, a liberação do uso de máscaras ainda dependerá o melhorar do cenário, mesmo assim será apenas para ambientes externos.

"Em ambientes fechados, enquanto todos não estiverem imunizados, a máscara é uma proteção fundamental", disse.