Devido aos questionamentos que estão surgindo a cerca da diferença quanto ao número de doses de vacinas contra a Covid-19 recebidas e aplicadas pelo município, a Prefeitura de Jaraguá do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, esclarece que, eventualmente, alguns frascos de lotes de imunobiológicos podem vir com variação no número de doses, de acordo com cada laboratório fabricante.

Quando ocorrem doses excedentes, cabe aos profissionais técnicos da imunização utilizarem todas as doses contidas em cada frasco, evitando, assim, perdas técnicas. O Programa Municipal de Imunização segue as orientações estabelecidas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e pelo Laboratório fabricante de cada imunizante, o que influencia, eventualmente, no quantitativo de doses aplicadas e recebidas.

“Nossa equipe de vacinadores trabalha observando atentamente esta questão. Temos uma Central de Vacinas, o que facilita o acompanhamento rigoroso de todo este processo e seguimos os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde, evitando perdas técnicas e tomando todos os cuidados na administração de cada dose de vacina”, informa o secretário de Saúde, Alceu Gilmar Moretti.

*Com informações de assessoria de imprensa.