Profissionais da saúde pública estadual interrompem atendimento entre 09h e 10h nesta terça-feira (27).
Semana que vem já está prevista uma nova paralisação, no dia 3, por 2 horas.
Sem negociação das reivindicações com a Secretaria do Estado da Saúde, categoria alerta para indicativo de greve a partir do dia 4 de abril.
O Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde Pública Estadual e Privado de Florianópolis e Região, Sindisaúde SC, pede a abertura imediata de concurso público para contratação de servidores, melhorias nas condições de trabalho - incluindo equipamentos e insumos adequados para prestar melhor assistência aos usuários, reajuste do Vale Alimentação de R$ 12 para R$ 24 por dia.