Durante esta semana, a Antaq (Agência Nacional de Transportes Aquaviários) confirmou que o Porto de São Francisco do Sul está entre os maiores portos públicos do Brasil.

O avanço foi resultado da movimentação histórica de 2023, quando São Francisco embarcou e desembarcou 16,8 milhões de toneladas de mercadorias, com um aumento de 33% comparado a 2022.

Entre os 10 maiores portos públicos do país, foi o que obteve o segundo maior percentual de crescimento (33%).

No ano passado, São Francisco também liderou o crescimento do volume de cargas entre os portos catarinenses.

A soma da movimentação de carga dos seis portos em 2023 alcançou 61,7 milhões de toneladas, aumento de 11,4%.

O número mostra que Santa Catarina foi o que mais cresceu entre os estados da Região Sul do país, superando o Paraná e o Rio Grande do Sul.

As exportações foram responsáveis por 60% do fluxo de produtos com 10,2 milhões de toneladas.

Os maiores volumes operados foram de grãos, com 9,6 milhões de toneladas (soja, 5 milhões, e milho, 4,6 milhões), seguido pelo óleo vegetal (250 mil litros) e madeiras (196 mil toneladas).

No total, as importações alcançaram 4,2 milhões de toneladas, com destaque para os fertilizantes (2,8 milhões).

“Para 2024, queremos avançar ainda mais, investindo em tecnologia e também melhorando a infraestrutura aquaviária para que o Porto de São Francisco cresça de modo sustentávell”, afirmou o presidente do porto Cleverton Vieira.