A Prefeitura de Brusque está modernizando e adequando suas salas da vacinação, com a substituição gradativa das geladeiras domésticas por câmaras frias. As primeiras unidades de saúde contempladas foram as dos bairros Cedrinho, Limeira, Dom Joaquim e a Policlínica Central.

As câmaras frias garantem maior segurança na estocagem das vacinas permitindo a manutenção da temperatura entre 2 e 8 graus, sem a oscilação comum das geladeiras.

Em virtude do risco de falta de energia elétrica nos finais de semana, quando as salas ficam fechadas, todo o estoque de vacinas era recolhido às sextas-feiras e armazenado na Vigilância Epidemiológica. Às segundas-feiras, ocorria a redistribuição das vacinas pela rede municipal de saúde.

 

Foto Divulgação/Prefeitura de Brusque

Com as câmaras frias, esse serviço não será mais necessário, pois os equipamentos possuem uma fonte de energia ininterrupta com autonomia de 36 horas. Deste modo, a Prefeitura espera também economizar com o custo operacional.

Quer receber as notícias no WhatsApp?