Segundo levantamento da Prefeitura de Florianópolis, as unidades de saúde estão funcionamento parcialmente após a greve decretada por tempo indeterminado pelos servidores municipais. Os trabalhadores decidiram pelo movimento após assembleia na tarde de quarta-feira (11) em protesto ao projeto de lei “Creche e Saúde Já”, enviado à Câmara de Vereadores na última sexta-feira (6) pelo prefeito Gean Loureiro (PMDB). LEIA MAIS: Greve em Florianópolis tem adesão parcial A Prefeitura quer abrir três mil vagas em creches e iniciar o atendimento na Unidade de Pronto Atendimento 24h do Continente com a condição de que o serviço seja prestado por meio de Organizações Sociais (OS). A justificativa de terceirizar a gestão e a mão de obra dos equipamentos públicos é o comprometimento fiscal. O Executivo alega ainda que a terceirização economizaria em média R$ 8 mil por aluno. Mas o sindicato que representa a categoria e os servidores da saúde e da educação não concordam com proposta, uma vez que sentem-se lesados pela terceirização do serviço. “A OS promete que vai oferecer os serviços por um valor, mas quando não dá conta de manter, pede aditivos. Como o Município não consegue atender, eles acabam negligenciando o serviço. Além disso, a rotatividade de profissionais é maior, o que prejudica o vínculo com a comunidade”, criticou uma servidora da saúde que preferiu não se identificar. LEIA MAIS: Servidores municipais entram em greve em Florianópolis Confira como estão funcionando as unidades de saúde: - UPA norte e UPA Sul estão atendendo apenas urgência e emergência. - Farmácia Escola está fechada. - 48 unidades de saúde estão prestando informações aos pacientes, menos a do Pantanal. - Dos 49 postos de saúde, 14 não estão realizando consultas médicas: Tapera, Morro das Pedras, Costeira do Pirajubaé, Vargem Grande, Estreito, Coloninha, Capoeiras, Saco dos Limões, Pantanal, Monte Serrat, Córrego Grande, Agronômica, Novo Estreito, Jardim Atlântico e Coqueiros. - Das 49 unidades, 10 não estão oferecendo o serviço de farmácia: Agronômica, Córrego Grande, Pantanal, Balneário, Estreito, Barra da Lagoa, Cachoeira do Bom Jesus, Campeche, Novo Estreito, Ribeirão da Ilha, Coqueiros, Jardim Atlântico.