A comunidade do Norte da Ilha, em Florianópolis, já pode trafegar com mais segurança pela Rodovia João Gualberto Soares (SC-406). Com um investimento de R$ 2,1 milhões, o Governo do Estado entregou na tarde desta sexta-feira (9) a obra do Travessão do Rio Vermelho, com a melhoria da intersecção com a Rua Cândido Pereira dos Anjos. O ato de liberação da estrutura foi realizado com a presença do governador Carlos Moisés.

Em seu discurso, o governador destacou que a obra faz parte de um plano de recuperação de pontos críticos e mitigação de passivos ambientais em todo o Estado. A obra do Travessão iniciou em novembro de 2019, mas teve que ser paralisada por questões administrativas, sendo retomada em março de 2020. Os trabalhos chegaram a ser paralisados por conta da pandemia de Covid-19, mas foram reiniciados em abril e já estão finalizados.

“Essa é uma obra que vai ajudar bastante. Eu percebi isso conversando com os moradores, que nos agradeceram. Havia acidentes graves aqui. Essa é uma intervenção pontual, mas que muda a realidade desta comunidade. Nosso Governo se preocupa com obras grandes, mas também com as pequenas, que trazem segurança e comodidade para a população”, aponta o governador.

 

Ato de liberação da estrutura foi realizado com a presença do governador Carlos Moisés | Foto Mauricio Vieira/Secom

 

Obras complementares

O secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, conta que, durante a obra no Travessão, foram realizados serviços de drenagem, terraplanagem, pavimentação, sinalização e obras complementares, como bueiros, colocação de grama e calçadas. Ele lembra ainda que a obra deveria ter sido iniciada na gestão anterior, porém houve diversos atrasos, como na realização do projeto.

“O anseio da comunidade havia sido esquecido. Quando assumimos, considerando a importância desta obra para a comunidade, nós demos prioridade. Agora, estamos entregando esse importante equipamento para a segurança viária, fazendo a conexão no Norte com o Leste da Ilha de Santa Catarina”, destaca Vieira.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp