Um dos pontos turísticos mais importantes do Estado vai ficar ainda mais bonito e seguro para moradores e turistas.

A Serra do Rio do Rastro, na SC-390, está passando por melhorias em 25 pontos críticos, onde são comuns os deslizamentos de terra e rochas.

Já no topo da Serra - para fortalecer o turismo - o projeto do governo é construir um mirante.

O governador Carlos Moisés inspecionou os locais na manhã desta terça-feira, 14, em seu primeiro dia de trabalho depois do período de recuperação da Covid-19.

“A obra cumpre a função de conectar a Serra e o Litoral, a vida das pessoas e o trabalho que move a economia da região, a segurança e o turismo. É nesta relação de equilíbrio que o governo trabalha para proteger a vida de quem utiliza a rodovia e valorizar este grande atrativo turístico para o Brasil e o mundo”, salientou o governador Carlos Moisés, durante vistoria ao primeiro trecho onde a obra já iniciou.

O ponto de partida fica no km 449, na localidade de Pindotiba, município de Orleans.

Conforme a Teixeira Duarte - empresa responsável pela obra - outros 24 pontos passarão por intervenções.

Em cada um deles serão aplicadas diferentes técnicas, de acordo com as necessidades específicas.

Também será feita a retirada de blocos rochosos e outros materiais que estão soltos e sobre os taludes.

O trabalho consiste em colocar telas metálicas de alta resistência com grampos, para evitar quedas de bloco e movimentação de massa, problemas frequentes ao longo da SC-390, na Serra do Rio do Rastro.

O plano de trabalho prevê que a intervenção ocorra de maneira simultânea em outros pontos da rodovia que faz a ligação entre o Sul e o Planalto Catarinense.

A ação faz parte do programa Novos Rumos e conta com recursos do Governo Federal de mais de R$ 19 milhões.

Atenção motoristas

Por causa das obras, o trânsito está em meia pista em uma extensão de 300 metros do ponto 25, no sentido Tubarão/Orleans.

O fluxo está sendo realizado no sistema “siga e pare” e a operação é coordenada pela Polícia Rodoviária Estadual.

O secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, reforça o pedido de atenção e compreensão de moradores e motoristas que passam pela região nos momentos em que as obras exigirão interrupções no trânsito.

“Os transtornos são temporários e o benefício desta obra será definitivo, por isso, é muito importante a compreensão de todos”, reiterou.

O secretário informou que todas as intervenções que interferirem no fluxo de trânsito da rodovia serão previamente comunicados em canais oficiais de comunicação.

Também acompanharam o governador nas inspeções aos locais de obras, o presidente da Santur, Mané Ferrari, e o secretário Executivo de Comunicação, Gonzalo Pereira.

Projeto para instalação de mirante avança

Junto com as melhorias na rodovia, a Serra do Rio Rastro vai ganhar outra obra de infraestrutura para deixar o local ainda mais atrativo.

O Governo do Estado avança no processo de construção de um mirante, por meio de concessão à iniciativa privada.

Aprovada pelo Comitê Gestor do Programa de Parcerias e Investimentos do Estado de Santa Catarina (PPI-SC), a etapa de sondagem de mercado já está aberta e vai até 11 de agosto.

Por causa da pandemia, a sondagem de mercado será realizada de maneira on-line pela SCPar, órgão executor do PPI-SC.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul