O aumento acelerado de casos de coronavírus coloca a estrutura hospitalar do Médio Vale do Itajaí à beira de um colapso. Quatros hospitais da região encontram-se com 100% de ocupação dos leitos de UTI destinados a pacientes com confirmação ou suspeita de Covid-19.

Em Timbó, o Hospital Oase, que é referência regional para o tratamento de casos graves da doença, está com todos os 30 leitos preenchidos. O mesmo ocorre com os Hospitais Azambuja, de Brusque (16 leitos); Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, de Gaspar (10 leitos); e Beatriz Ramos, de Indaial (9 leitos).

Já em Blumenau, a taxa de ocupação está em 70%, com 66 dos 94 leitos preenchidos, de acordo com informações da Prefeitura. Contudo, o índice vem aumentando diariamente - há duas semanas, a taxa encontrava-se em 41%.

Nesta terça-feira (8), o Médio Vale do Itajaí chegou a 55 mil casos confirmados de coronavírus, dos quais 436 evoluíram para óbito. Blumenau, Brusque e Gaspar são as cidades com maior número de casos e mortes. Confira.

Imagem Ascom/AMMVI

Imagem Ascom/AMMVI

Receba as notícias do OCP no seu WhatsApp: