O Projeto Jogue Limpo com a Cidade, iniciado pelo Governo do Município de Criciúma por meio da Fundação de Meio Ambiente (Famcri), está reaproveitando mensalmente, aproximadamente duas toneladas de materiais recicláveis. O objetivo da ação é que, até o fim do ano, sejam coletadas 100 toneladas de resíduos retornáveis por meio do projeto, gerando mais empregos e aumentando a renda dos trabalhadores que atuam na área.

Os materiais selecionados e limpos por 40 trabalhadores no Ecoponto, são destinados a indústrias da região. “O ato de reciclar beneficia o meio ambiente, também entra como ação social e contribui com a economia da cidade”, afirma o gerente do Ecoponto e gestor do projeto, Dhido Serafim. Ao todo, Criciúma gera mais de 1,7 mil toneladas de materiais recicláveis mensais, porém deste total, apenas 100 toneladas retornam com a coleta seletiva feita por caminhões nos bairros de Criciúma.

“Comparado ao tanto que os criciumenses produzem, o quantitativo reaproveitado é pouco. Com o nosso objetivo de reciclar 100 toneladas no projeto e com a coleta seletiva nos bairros, que atualmente já retorna 100 toneladas, vamos reaproveitar 200 toneladas de recicláveis por mês”, destaca Dhido. Ele ainda completa que “com a conscientização da população para fazer o destino correto dos resíduos, o retorno dos materiais aumenta e gera novos empregos na cidade”.

Além do objetivo de aumentar o retorno de materiais, o projeto planeja implantar 50 pontos de coleta por meio de parcerias com estabelecimentos do município. “Conforme os criciumenses vão aderindo ao programa, a demanda aumenta e gera a necessidade de mais pontos de coleta na cidade”, destaca Dhido. Ao todo são nove pontos de coleta nos Parques das Nações Cincinato Naspolini, dos Imigrantes e Municipal Prefeito Altair Guidi e nas Intendências do Rio Maina, Santa Luzia e Quarta Linha, além de dois postos de combustíveis na cidade (Posto Chile e Posto HG), no bairro Ceará e no bairro Quarta Linha, respectivamente.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp