Mais uma conquista para a cidade de Gaspar. Foi aprovado por unanimidade pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quarta-feira, dia 15, o projeto que intitula Gaspar como a “Capital Nacional da Moda Infantil”. O Projeto de Lei Nº 4.319/2019, segue para a aprovação das comissões do Senado Federal e, em seguida, para a sanção presidencial.

A indústria têxtil no município emprega cerca de oito mil colaboradores de forma direta e é responsável por quase 40% do PIB. Ao todo, são aproximadamente 870 empresas de confecção, 480 facções e 85 tinturarias, fiações, tecelagem e outros. Cerca de 60% dessas empresas são voltadas para o setor infantil. De acordo com o texto do Projeto de Lei, Gaspar é responsável por cerca de 50% da produção de moda infantil do Brasil, comercializando, inclusive, para grandes magazines do país.

O Projeto de Lei foi protocolado pelo Deputado Federal Rogério 'Peninha' Mendonça em agosto de 2019. Por conta da pandemia, a análise do texto foi adiada. Na Câmara dos Deputados a pauta foi aprovada em julho pela Comissão de Cultura e agora pela CCJ, sem a necessidade de ir para votação em plenário. Relator do projeto na CCJ, o deputado Darci de Matos, defendeu a aprovação. "50% do consumo da moda infantil do Brasil vem de Gaspar. Esse título de Capital Nacional da Moda Infantil vai alavancar o turismo e a economia desse município, que é um município importante no contexto político, social econômico do Estado e do Brasil", declarou.

A deputada de Santa Catarina, Caroline de Toni, também exaltou a importância de Gaspar no contexto econômico do Estado e do país. "A força pujante da economia de Gaspar é o ramo textil, que compõe 9 mil empregos diretos em um município com 70 mil habitantes, então é muito relevante essa atividade econômica. Dar essa justa homenagem é valorizar a pujança econômica, a força trabalhadora e também dos empresário que deram esse salto de vontade e empreendedorismo para desbravar essa área e hoje conquistam esses números tão excelentes, honrando Santa Catarina e o Brasil", ressaltou.

Outros deputados presentes reconheceram a importância de Gaspar para a economia do Estado e do Brasil e ainda ressaltaram a presença da comitiva de Gaspar no plenário. O prefeito Kleber Wan-Dall foi convidado a fazer uso da palavra e aproveitou para reforçar o orgulho de Gaspar . "Sem dúvida alguma, esse título vai nos dar um holofote que fortalecer ainda mais o setor têxtil no nosso município. Vai nos permitir avançar em outras ações e outros projetos, que, inclusive, já estão em andamento com a classe empresarial da nossa cidade", salientou o prefeito, que ainda agradeceu a todos os deputados e lideranças presentes.

A comitiva de Gaspar presente em Brasília para a apreciação da matéria foi composta pelo prefeito Kleber Wan-Dall; vice-prefeito Marcelo Brick; presidente da Associação Empresarial de Gaspar - ACIG, Edemar Wieser; secretário de Desenvolvimento Econômico, Renda e Turismo, Pablo Fachini; vereadores Cleverson Ferreira e José Carlos de Carvalho Junior; e empresários do ramo têxtil Douglas Junkes, Vilson Romalino Batista, Roberto Souza e Nilson Mario Küstner.