De 15 a 22 de março, o Procon de Jaraguá do Sul estará distribuindo material educativo sobre os direitos do consumidor e a orientação de dúvidas que a população tenha sobre relações de consumo. Na manhã desta quinta-feira (15), a diretora do Procon, Samira Leutprecht, e dois funcionários, distribuíram panfletos orientativos na Praça Ângelo Piazera com dicas de consumo, de combate à prática de agiotagem, utilização de cartão de crédito, planos de saúde e serviço de telecomunicações. Esse último, o campeão de reclamações no Procon. “Estamos levando o Procon até o consumidor. Orientando que o Procon é gratuito, existe para esclarecer dúvidas de consumo, tentar a resolução do problema da melhor forma possível, e que todo esse serviço é gratuito”, explica Samira. Além do Procon na Praça até o dia 22, também está programada para a Semana do Consumidor uma capacitação de fornecedores/lojistas para o recebimento do “Selo Amigo do Consumidor”; e uma palestra sobre os direitos do consumidor idoso. Tudo com o objetivo de incentivar os munícipes a conhecerem seus direitos e deveres de consumidores. A inauguração da nova sede do Procon, que, pela primeira vez será própria e poderá economizar dinheiro público, também faz parte das comemorações da Semana do Consumidor. A previsão é que em 60 dias o Procon de Jaraguá do Sul já esteja funcionando na nova sede, localizada na Rua Leopoldo Malheiro, nº 15, Centro, próximo ao Restaurante Califórnia. Outra meta do órgão é aumentar número de funcionários, com mais atendentes do quadro fixo, tanto para fiscalizar quanto para atender.
Nova sede do Procon em Jaraguá do Sul | Foto Divulgação/Prefeitura de Jaraguá do Sul
No quesito atendimento, o Procon atende em média 80 pessoas/mês e tem uma resolutividade de 95% dos casos, precisando abrir processos administrativos em apenas 5% deles. Atualmente conta com 19 funcionários. *Com informações da Prefeitura de Jaraguá do Sul