Alerta: os consumidores devem ter cautela ao adquirir veículos pela internet. A orientação é do Procon de Blumenau e do Núcleo de Inteligência e Segurança Institucional (NIS), vinculado ao Poder Judiciário de Santa Catarina, que identificaram a existência de sites falsos de leilões.

Essas páginas utilizam indevidamente logomarcas de instituições, incluindo a do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, para aplicar os golpes. Os sites afirmam que não podem mostrar o veículo até o recebimento antecipado de um lance do interessado. Além disso, prometem a entrega do veículo em até dois dias ao comprador.

Para combater o crime, a Associação da Leiloaria Oficial do Brasil (Aleibras) elaborou uma relação de sites considerados falsos, que está disponível neste link. A orientação é para que não seja efetuado nenhum tipo de transação com os endereços listados.

Segundo a Secretaria de Trânsito e Transportes de Blumenau, o leilão dos veículos removidos pela pasta é realizado em parceria com o Detran de Santa Catarina. O órgão estadual é o responsável por divulgar em sua página o edital com memorial descritivo dos lotes, para que as pessoas tenham acesso às informações e procedimento de arremate.

Ofertas e consultas disponibilizadas em outras páginas, que não sejam do Detran, são indicadores de fraude.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Telegram Jaraguá do Sul