O prefeito de Joinville, Udo Döhler (MDB), assinou nesta quarta-feira (27) o decreto de implantação do novo Sistema de Estacionamento Rotativo Púbico em ruas da área central da cidade. A assinatura foi durante a reunião Plenária da CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas) de Joinville.

Nesta etapa serão implantadas 905 vagas. A novidade é o fato de ser gratuito, porém, com tempo de utilização do espaço limitado a até duas horas. O período de uso será de segundas a sextas-feiras das 8h30 às 18h30 e aos sábados das 8 às 13 horas.

A fiscalização será feita por agentes do Detrans (Departamento de Trânsito) e também pode ser realizada pela Guarda Municipal. Serão usados equipamentos de tecnologia apropriada para realizar o monitoramento da ocupação das vagas.

Os veículos que estiverem fora do tempo de permanência permitido ou em desacordo com a sinalização serão autuados por infração de trânsito com base no Código de Trânsito Brasileiro, por estacionamento irregular (R$ 195,23).

Os veículos também poderão ser guinchados do local. A mesma vaga só poderá ser utilizada uma única vez no dia pelo usuário.

O sistema será efetivado 30 dias após a assinatura do decreto. Durante esse período será feita as sinalizações das vagas. Dentro deste período também haverá o processo de adaptação do novo sistema, para ação orientativa dos agentes de trânsito aos motoristas sobre o uso dos espaços.

Neste prazo, os condutores flagrados estacionados irregularmente não serão autuados. A expectativa é que todo o sistema entra em vigor até o final de abril.

Nesta primeira etapa de implantação, as 905 vagas abrangem 17 ruas da área central. Os locais estarão sinalizados por placas com indicativo do tipo de veículo e tempo máximo permitido. Esse tempo máximo na mesma vaga varia de uma a duas horas, de acordo com a área estabelecida. Após esse tempo o condutor é obrigado a retirar o veículo da vaga.

Classificação

As 905 vagas da primeira fase serão distribuídas da seguinte forma: 758 para carros (2 horas), 30 para caminhões (1 hora), 33 para idosos (2 horas), 22 para pessoas com deficiência (2 horas), 35 para motos (2 horas) e 27 para veículos com uso obrigatório de pisca-alerta ligado (15 e 30 minutos).

O uso das vagas por tempo diferente ao limite regulamentado para atendimento de serviços que exijam a utilização extraordinária, inclusive por caçambas e outros equipamentos, depende de prévia autorização do Departamento de Trânsito.

Estarão isentos de atender as normas do estacionamento rotativo os veículos de combate a incêndio e salvamento, política, fiscalização e operação do trânsito e ambulâncias.

As vias do sistema

O sistema será implantado em 17 ruas da área central.

  • 15 de Novembro;
  • 9 de Março;
  • Abdon Batista;
  • do Príncipe;
  • Dona Francisca;
  • dos Ginásticos;
  • Frederico Stoll;
  • Jacob Richlin;
  • Luiz Niemeyer;
  • Marinho Lobo;
  • Mario Lobo;
  • Padre Carlos;
  • Princesa Izabel;
  • Sete de Setembro;
  • travessa Bachmann;
  • Três de Maio.

Após a conclusão das obras de implantação de galerias do Projeto Rio Mathias o estacionamento será implantado nas ruas São Francisco, São Joaquim, Engenheiro Niemeyer e Jerônimo Coelho.

Veja a apresentação do programa realizada na CDL

*Com informações de assessoria de imprensa

Quer receber as notícias no WhatsApp?