Projeto prevê o “engordamento” da praia  no trecho que vai de Canajurê até o Rio do Brás | Foto Divulgação
Projeto prevê o “engordamento” da praia no trecho que vai de Canajurê até o Rio do Brás | Foto Divulgação

A Prefeitura de Florianópolis abriu as propostas para definir a empresa que vai executar a obra de alargamento da faixa da praia de Canasvieiras, orçada em R$ 16.417.463,54. Ao total, 11 empresas se mostraram interessadas e concorrem para realizar o projeto.

Agora, a comissão permanente de licitação fará a análise dos documentos de habilitação e publicará o resultado das empresas habilitadas e não habilitadas.

Na próxima fase do processo licitatório, a comissão abrirá os envelopes de proposta comercial para definir o vencedor da licitação. O poder público espera ter o resultado em até um mês.

Feito isso, e de posse da Licença Ambiental de Instalação (LAI) a ser ainda expedida pelo IMA, a administração municipal dará início às obras, as quais estão previstas de serem realizadas pelo prazo de quatro meses, entre agosto e novembro deste ano.

Ao final dos trabalhos, também caberá ao IMA conceder a Licença Ambiental de Operação (LAO), que formaliza a conclusão das obras.

O projeto a ser executado prevê o “engordamento” da praia de Canasvieiras no trecho que vai de Canajurê até o Rio do Brás, beneficiando 2.325 metros. A estimativa é a de que a orla receba um volume total de 344.685,97 m³ de areia fina de cor e espessura semelhantes à existente, material que será dragado de jazida submarina localizada a uma distância de 1,4 km da praia.

Com isso, a faixa de areia utilizada para lazer passará a ter, inicialmente, em torno de 40 a 50 metros de largura, e de 30 a 35 metros, quando estabilizada.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?