Na madrugada desta terça-feira (1), um prédio de 24 andares desabou durante um incêndio na região da República, no centro de São Paulo. Segundo a Defesa Civil, cerca de 50 famílias viviam no local, que já foi uma antiga sede da Polícia Federal. Um homem estava sendo resgatado no momento em que o prédio veio abaixo e não foi mais localizado.

Moradores relatam que as chamas começaram a se alastrar para imóveis próximos, no Largo do Paissandu por volta das 1h30. De acordo com a Polícia Militar, atualmente o prédio abrigava uma ocupação.

O incêndio teria iniciado no 5º andar do prédio e se espalhado rapidamente. O Corpo de Bombeiros, que destacou cerca de 200 homens para trabalhar no combate ao incêndio, não aponta um número de vítimas, mas afirma que “não é fácil encontrar alguém com vida”. Ainda segundo os bombeiros, o homem que estava sendo resgatado já estava com o equipamento de segurança, mas caiu junto com o prédio no momento do desabamento.

Um prédio vizinho também foi atingido pelas chamas, mas não corre risco de desabamento e os moradores já foram retirados do local. Além disso, o Corpo de Bombeiros está realizando um mapeamento da área para iniciar a retirada dos escombros.