O único eclipse total do Sol em 2019 ocorrerá nesta terça-feira (2) e será observado apenas na América do Sul. O fenômeno acontece quando a Terra e o Sol se alinham, e a Lua se posiciona no meio dos dois, transformando o dia em noite durante alguns minutos.

O eclipse solar total poderá ser visto no Chile e na Argentina por volta das 17h40, no horário de Brasília (DF), e terá duração de menos de dois minutos. Em alguns estados do Brasil, entre os quais Santa Catarina, o fenômeno astronômico vai ocorrer de forma parcial.

Algumas cidades brasileiras poderão observar de 9% a 60% de ocultação do Sol. Por exemplo, em Florianópolis será possível visualizar 39% do Sol ocultado. A situação deve ser a mesma nas regiões de Blumenau e Joinville.

Os eclipses totais do Sol, apesar de ocorrerem com certa frequência, não acontecem nos mesmos lugares sempre. Especialistas dizem que provavelmente, com a alternância dos locais, as pessoas terão uma única chance de assistir na vida.

Em Santa Catarina, a última vez que ocorreu um eclipse parcial foi há mais de dois anos. O último eclipse total observado em Santa Catarina ocorreu em 1994.

Quer receber as notícias no WhatsApp?