A Polícia Civil de Santa Catarina prendeu membros de uma organização criminosa que atuava em Brusque em diversas atividades ilegais como tráfico de drogas e porte de arma de fogo. As prisões são decorrentes de cumprimento de mandados de busca, prisões temporárias e prisões em flagrante e foram realizadas com o apoio da Polícia Militar, na terça-feira (10) e na quarta-feira (11).

As investigações começaram há cerca de três meses, ocasião em que um homem foi preso em flagrante pelo crime de porte de arma de fogo e tráfico de drogas. Após a prisão em flagrante, a Polícia Civil aprofundou as investigações e encontrou indícios de que ele estava vinculado a uma organização criminosa, sendo que alguns membros moravam e agiam na cidade de Brusque e região.

Além das evidências apontarem que os investigados estavam envolvidos em diversas atividades ilegais, as investigações indicavam ainda que eles financiavam suas atividades ilícitas com dinheiro arrecadado pela prática de crimes e com o pagamento de quantias mensais.

Foram cumpridos oito mandados de busca domiciliar, efetivados sete mandados de prisão temporária, três prisões em flagrante por tráfico de drogas e lavratura de um ato infracional, totalizando oito prisões.

A operação representa mais um duro golpe contra a criminalidade em Brusque, assegurando que a cidade permaneça entre as mais seguras do Estado.

Receba as notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp clicando aqui.