Luciano Hang, dono das lojas havan | Foto Divulgação
Luciano Hang, dono das lojas havan | Foto Divulgação

O OCP conversou com o empresário Luciano Hang, proprietário da Havan sobre os processos que vem recebendo após começar a se manifestar nas redes sociais.

Segundo ele, alguns são inexplicáveis. Para ele, o mais absurdo veio na última semana, quando foi acusado de usar a bandeira brasileira como forma de ganhar dinheiro.

Além desses temas, Hang também falou sobre sua participação no cenário político do Brasil.

Ouça o que disse o empresário:


Em meados de 2016, surgiram na internet e nas cidades em que a empresa prosperou, boatos sobre quem seria o dono da Havan: a filha da ex-presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, o bispo Edir Macedo e até o apresentador Silvio Santos.

Vendo um risco de ter sua marca equivocadamente associada a políticos, Hang decidiu atuar nos comerciais da marca e participar de programas de entrevistas para desmentir o boato.

Quer receber as notícias no WhatsApp?