O Laboratório Santa Luzia, que integra a Dasa, em cooperação com o Observatório Covid-19 da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e as vigilâncias estadual e municipal, realizou uma pesquisa de variantes em 87 amostras aleatórias de pacientes com Covid-19 da Grande Florianópolis.

Após a análise, o laboratório identificou que cerca de 80% dos casos realizados atualmente já são relacionados a cepa P1, da variante de Manaus. Destas amostras, menos de 2% são da cepa B.1.1.7, do Reino Unido.

A pesquisa foi realizada entre amostras coletadas nos dias 26 e 27 de fevereiro.

Perfil

  • 87 amostras testadas
  • 72 amostras compatíveis com P.1

 

Distribuição

  • Florianópolis: 54
  • São José: 12
  • Palhoça: 5
  • Gov. Celso Ramos: 1

 

Sexo

  • Feminino: 41
  • Masculino 28

 

Idade

  • Menor que 10 anos: 1
  • Entre 10 e 20 anos: 4
  • Entre 20 e 40 anos: 36
  • Entre 40 e 60 anos: 24
  • Mais que 60 anos: 7