O Santuário Diocesano do Sagrado Coração Misericordioso de Jesus, em Içara, acolheu, na tarde desse sábado, a Santa Missa com o rito de Ordenação Presbiteral do Diácono Fernando dos Santos de Oliveira, de 28 anos. A celebração teve início às 15h e foi presidida pelo bispo da Diocese de Criciúma, Dom Jacinto Inacio Flach, e concelebrada por dezenas de padres.

O pedido de ordem do candidato ao presbitério foi feito pelo pároco da Paróquia Nossa Senhora da Saúde, Padre Samuel Colombo Pirola. Em seguida, o vigário paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Salete, Padre Élisson Custódio Borges, deu seu testemunho sobre o jovem vocacionado.

Se entregar por amor

Durante a sua homilia, o bispo diocesano, Dom Jacinto Inacio Flach, recordou a memória litúrgica de São Maximiliano Maria Kolbe.

"Fernando que tu possas se inspirar também na vida deste santo que se entregou por amor".

O epíscopo destacou ainda o lema presbiteral escolhido por Fernando, "Me gastarei inteiramente por vós", extraído do Evangelho da Carta aos Coríntios (Cor 12,15), lembrando que entregar-se é deixar Cristo agir.

"Aquilo que um pai e uma mãe faz com seus filhos vão consumindo as suas vidas, mas isso é necessário para que os filhos possam crescer e também se manifestem para serem instrumentos de Deus", acrescentou.

Para Dom Jacinto, a vida do padre e do bispo é uma entrega ao serviço de Deus, a serviço daquele que dá força, coragem e ânimo.

"Tudo aquilo que fizermos com fé e amor chega até o coração de Deus, escolheste muito bem Fernando em ser sacerdote, hoje o Cristo vai participar para ti do teu sacerdócio para sempre".

O rito de ordenação presbiteral

Após a reflexão, deu-se sequência ao rito, com o propósito do eleito, a ladainha de todos os santos e a imposição das mãos e prece de ordenação, feitas pelo bispo. Depois, o padre foi revestido com a estola e a casula por seus pais, Pedro Paulo de Oliveira e Maria Nazaré dos Santos, e o padre Marcos Rech, pároco da Paróquia Nossa Senhora da Salete.

Em seguida teve as mãos ungidas com o óleo do Crisma por Dom Jacinto. A sua primeira bênção foi dada aos seus pais, em seguida, o novo sacerdote recebeu os aplausos dos presentes.

Momento de agradecer

Ao final da celebração, padre Fernando agradeceu a Deus destacando que "chegar ao sacerdócio é graça divina, nunca é mérito humano".

O novo sacerdote recordou ainda a inspiração e exemplo dos padres Gregório Michels e Ângelo Galato, ambos já falecidos.

"Minha gratidão aos meus familiares, principalmente aos meus pais, que junto de Deus me deram a vida, sou grato por toda a educação, apoio e amor, que Deus os abençoe". Padre Fernando, celebrou suas primeiras missas neste domingo, às 10h, na comunidade Santa Rita de Cássia, em Içara, e à noite, às 18h, na Igreja Nossa Senhora dos Navegantes, no Balneário Rincão.