Prefeito Udo Döhler participa da entrega de ônibus da Gidion /Transtusa no pátio do estacionamento do Centreventos
Prefeito Udo Döhler participa da entrega de ônibus da Gidion /Transtusa no pátio do estacionamento do Centreventos
Os ônibus de Joinville poderão ter acesso gratuito e sem fio à internet. O projeto de lei é de autoria do vereador do PSC, Jaime Evaristo, e tramita na CVJ (Câmara de Vereadores de Joinville). Nesta semana, a matéria foi aprovada pela comissão de Legislação e agora segue para serem avaliadas pelas comissões de Finanças e Urbanismo. Depois disso, para se tornar lei, o projeto precisa passar por duas votações no plenário da Câmara e ser sancionado pelo prefeito Udo Döhler.
O Projeto de Lei 321/2017, obriga a instalação e disponibilização do serviço e não teve modificações até o momento na tramitação. Conforme o texto, o serviço de wi-fi deverá ser exigido em licitação das empresas que quiserem prestar o serviço de transporte coletivo.
O texto dá um prazo de seis meses para adaptação dos veículos, que deverão ter, entre outras coisas, identificação dos ônibus que já contarem com o serviço e nome de rede e senha. O serviço também deve ser instalado sem aumento ou diferenciação de valor nos ônibus em que o wi-fi estiver disponível.
Ainda está prevista multa de dez Unidades Padrão Municipais (UPMs) para cada ônibus que não dispuser do serviço. Dez UPMs correspondem hoje a pouco menos de R$ 2,8 mil, conforme valor para abril de 2018. O valor é dobrado no caso de reincidência.
*Com informações do departamento de jornalismo da CVJ