Embora haja forte apoio ao isolamento social contra o novo coronavírus (Covid-19) em Jaraguá do Sul e região, a forma que este isolamento deve ser mantido ainda é um assunto polarizado, segundo pesquisa online coordenada pela Rede OCP de Comunicação.

Participaram da pesquisa 747 leitores do grupo, com perfis variados.

Enquanto apenas 2,3% dos respondentes se manifesta contra a manutenção do distanciamento social, há uma forte divisão entre se o distanciamento deva ser universal, posição mantida por 49% dos respondentes, ou se deve ser o chamado "isolamento vertical", afetando apenas a população de maior risco, que conta com 48,7% das respostas.

7,4% dos respondentes, no entanto, não tem praticado o isolamento em nenhuma forma, enquanto outros 46,3% ainda tem mantido formas restritas de convívio social.

62,1% afirmam ter tido sua renda prejudicada pelas medidas contra a pandemia.

Um dado de destaque é que 10,4% dos participantes relatam ter amigos ou familiares que já ficaram doente com o vírus.

Foto Fábio Junkes/OCP News

Segundo o diretor de conteúdo da Rede OCP, Max Pires, o estudo veio com o intuito de entender as demandas dos leitores da rede.

"Mais de um milhão de usuários acessam nosso portal todos os meses e, desde o início do ano, temos trabalhado para dar voz a esta audiência e entender as suas demandas e seus desejos", afirma.

"Estas pesquisas nos ajudam a compreender, através de números, o comportamento de uma parcelada da população e com este conhecimento, conseguimos produzir conteúdos especiais e informativos em todas as nossas plataformas", explica.

A coordenadora da pesquisa, Nathalia Baldon, explica o processo de elaboração do material.

"Para formular a pesquisa levantamos algumas questões que julgamos importantes para levar à discussão da sociedade, como se a pessoa era a favor ou não do isolamento, se tinha condições de manter o isolamento, tendo em vista a necessidade de se manter ativo no mercado de trabalho, entre outros pontos", explica.

O estudo também permite recortes de idade, classe social e sexo, para avaliar se há conflitos de pensamento entre diferentes grupos sociais.

Vale lembrar que a pesquisa não tem caráter científico, sendo apenas um panorama das opiniões sobre a pandemia do novo coronavírus.

Acompanhe a seguir os principais dados levantados pela pesquisa, realizada entre 20 e 28 de abril:

Foto Studio OCP

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul