Sistema mecanizado serve para contenção em obras 
de aterro - Foto: Divulgação/Amvali
Sistema mecanizado serve para contenção em obras de aterro - Foto: Divulgação/Amvali

Como resultado do projeto “Muro Seguro”, a Amvali (Associação dos Municípios do Vale do Itapocu) divulgou ontem que Jaraguá do Sul recebeu a primeira obra realizada com sistemas inovadores para obras geotécnicas. O projeto começou em maio de 2015 com um curso de formação oferecido em parceria entre a associação de arquitetos e engenheiros da cidade, a Amvali, o Crea e o Colegiado da Defesa Civil. A tecnologia permite mais segurança contra deslizamentos.

O projeto tem por objetivo preparar os profissionais da região para identificar situações de risco e selecionar as melhores opções para sanar cada caso. Em maio, o professor da USP Avesani Neto proferiu o curso para cerca de 50 engenheiros e arquitetos da região.
Menos de um ano depois, um sistema de contenção foi escolhido por uma empresa da cidade para realizar a canalização rápida e segura de um córrego em um terreno no bairro Chico de Paulo. Segundo a assessoria da Amvali, a tecnologia é inédita em Santa Catarina.
Aplicado largamente em diversos países, o sistema mecanizado serve para contenção em obras de aterro.
“Visamos obras que sejam projetadas e executadas de maneira responsável, garantindo a integridade legal e ambiental dessas áreas, para erradicar os recorrentes riscos de deslizamentos”, enfatiza o engenheiro da Amvali Guilherme Gustavo Ohlweiler.