O secretário de Estado da Saúde do Maranhão, Carlos Lula, informou que os primeiros casos da variante indiana da Covid-19 foram detectados no Brasil.

Seis tripulantes que estavam no navio "MV Shandong da Da Zhi" testaram positivo para a cepa B.1.617.2. Apenas um deles está em solo nacional. É um paciente de 54 anos e está internado. No navio, 15 tripulantes testaram positivo para a Covid-19, 14 deles estão em isolamento e apenas um internado.

Foto: Reprodução

A embarcação está isolada e não tem permissão para atracar no Brasil. Cem pessoas que tiveram contato com os tripulantes infectados estão isolados e serão testados.

O paciente internado é um indiano de 54 anos. O homem deu entrada em um hospital privado na capital São Luís e seu quadro clínico é estável. A variante só foi detectada após um teste genético. No dia 4 de maio, o homem relatou febre e os demais sintomas da Covid-19, por isso foi encaminhado de helicóptero para a unidade de saúde.

A Organização Mundial de Saúde alertou que a variante indiana é motivo de preocupação global devido ao aumento drástico de casos na Índia.

Os voos vindos da Índia estão proibidos de entrarem no Brasil, após recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).