Os ônibus do transporte coletivo voltaram a circular em Criciúma nas primeiras horas desta segunda-feira (24). O retorno, após 34 dias de paralisação foi acordado entre os municípios que compõem a Amrec (Associação dos Município da Região Carbonífera) após Criciúma apresentar um estudo afirmando que o retorno do transporte não tem relação com o aumento no números de casos da Covid-19.

Conforme o presidente do Sindicato dos Motoristas de Criciúma, Clesio Fernandes, o Buba, o movimento ainda não é intenso nesta segunda-feira. "São muitos decretos, o passageiro fica confuso, fica com medo, e temos poucas pessoas hoje no terminal, por exemplo, mas amanhã imaginamos que o passageiro já terá certeza de retorno e usará o ônibus", afirmou.

Clique e confira os horários de ônibus

Ainda segundo o presidente, os motoristas não foram orientados a não permitirem a entrada de pessoas com idade igual ou superior a 65 anos, como determina o decreto. "O idoso pode andar de ônibus, mas nós pedimos de coração que não ande, já que eles são mais sensíveis a esse vírus. Mas, se for necessário, eles estão autorizados a andar de ônibus", completou o presidente do sindicato.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul