Uma norte-americana chamada Brittany contou que foi levada às pressas para um hospital, após ficar com um vibrador preso na região do reto. O caso aconteceu no Alabama, Estados Unidos.

Em entrevista ao programa Stuck, a mulher admitiu que é viciada em sexo desde 2019, quando terminou um relacionamento, e desde então ela passou a usar sempre diversos brinquedos sexuais.

Segundo Brittany, ela comprou o vibrador em um site de produtos eróticos.

“Encomendei um vibrador azul que aumentava de tamanho a cada esfera.”

“Fiquei tão empolgado quando o recebi pelo correio e pensei: ‘Ah, estou pronta, vou tomar um banho antes de me divertir'”, completou.

Ela ainda contou que antes de introduzir o vibrador, passou bastante lubrificante e com isso, o objeto ficou escorregadio.

“As minhas mãos não davam conta, porque ele entrou com tanta facilidade no ânus, que tive de soltá-lo para dentro do reto. Achei que conseguiria deslizar para fora, mas não aconteceu.”

“Entrei em pânico por uns 20 minutos”, disse. Na sequência, ela acionou o serviço de emergência e foi levada para um hospital.

Dr. George Crawford, cirurgião geral que atendeu Brittany, explicou que a parte do corpo em que o vibrador foi introduzido tem a função de sucção.

“O reto é projetado para manter as fezes fora da região do ânus. Se alguém colocar algo mais além dessa parte, será sugado em direção ao intestino.”

De acordo com o médico, o procedimento para retirar o vibrador foi simples e precisou utilizar apenas duas pinças de metal.

O cirurgião também advertiu que o uso de brinquedos sexuais deve feito com cuidado, pois pode causar graves acidentes.

*Com informações do UOL