O Seminário de Práticas Docentes realizado pela Prefeitura de Joinville, por meio da Secretaria de Educação, reuniu mais de 450 educadores, estudantes e profissionais que atuam nas escolas nesta quarta-feira (23).

O evento ocorreu no auditório da Unisociesc durante todo o dia, com palestra e troca de experiências de professores que atuam no Projeto Tempo de Avançar, proposta que foi implantada neste ano na rede municipal de Joinville para atender 565 alunos que estavam em distorção idade-ano (com dois ou mais anos de atraso escolar em relação à série que deveriam estar cursando).

 

 

Participaram professores, supervisores, orientadores e diretores escolares, assistentes sociais, psicólogos e estudantes de licenciatura.

Eles puderam conhecer a forma com que os professores da Rede Municipal de Joinville estão trabalhando com as 29 turmas criadas para estes alunos que estavam atrasados devido, principalmente, à reprovação e abandono escolar.

“Esses professores têm um olhar diferenciado e realizam uma abordagem metodológica diferente. Isso vai da forma com que fazem o planejamento de aula até a aplicação das avaliações. Muitos deles trabalham de forma interdisciplinar, por área de conhecimento e com projetos integradores”, explica a gerente de Apoio à Aprendizagem da Secretaria de Educação, Deyze Faust.

Neste ano, 267 alunos contemplados pelo Projeto Tempo de Avançar concluirão o Ensino Fundamental e poderão seguir para o Ensino Médio. Em 2023, o objetivo da Secretaria de Educação é atender mais estudantes que se encontram na mesma situação.