A secretaria de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico de Florianópolis informa que 2.700 empresas já se cadastraram para utilizar o sistema de check in por QR Code da Prefeitura em seus estabelecimentos.

Isso significa que caso algum cliente teste positivo para coronavírus, os colaboradores e demais clientes possam ser orientados pela secretaria de Saúde da Capital no caso de aparecimento de sintomas e outras recomendações.

A adesão das empresas ao sistema de check in é obrigatório e foi determinada via decreto municipal publicado na última segunda-feira, 2, como requisito para o retorno à atividade econômica de shoppings, academias e galerias comerciais.

Aos clientes, o check in por QR Code é opcional mas é recomendada pela administração municipal, como uma forma de rastrear o contágio do coronavírus.

Como os estabelecimentos podem aderir à plataforma

Para utilizar o check in, as empresas devem gerar um QR Code na plataforma online. Não são aceitos dados obtidos por meio de outros QR Codes ligados à outros sistemas, que não seja o da Smart Tour, a empresa que gerencia a plataforma em parceria com a Prefeitura de Florianópolis.

Para gerar o QR Code de Rastreamento de Contatos Smart Tracking para o estabelecimento comercial, basta acessar o link https://smarttourbrasil.com.br/smart-tracking-qrcode e preencher o cadastro com os dados solicitados. Em seguida, já é possível fazer o download do QR Code gerado. A imagem deve ser impressa colorida. Após isso, o cartaz deve ser fixado na entrada do estabelecimento.

A Prefeitura de Florianópolis pede que os estabelecimentos orientem os clientes a realizarem o check in, que consiste em apontar a câmera do celular no QR Code. É necessário que o cliente se cadastre na primeira vez que realizar o registro na plataforma.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp