Por Dyovana Koiwaski | Foto Eduardo Montecino Desde segunda-feira (5), o Cartório Eleitoral de Jaraguá do Sul está funcionando das 9h às 18h para atender a demanda de mais de 140 mil pessoas que ainda não fizeram o cadastro biométrico na 17ª Zona Eleitoral, que compreende também o município de Corupá. Conforme o chefe de cartório, Eduardo Arbigaus, a procura durante as três horas a mais ainda está abaixo da capacidade de atendimento. “Antes, atendíamos 400 pessoas na parte da tarde. Com o acréscimo, a média diária aumentou para apenas 500. Nossa estrutura nos permite realizar cerca de 650 cadastramentos por dia”, aponta Arbigaus. Ou seja, mais 150 pessoas poderiam estar sendo atendidas por dia. Em Jaraguá do Sul, do eleitorado total de 135 mil, somente 28 mil já fizeram a coleta dos dados biométricos. Dos 11 mil de Corupá, dois mil também passaram pela revisão. O chefe de cartório destaca que o horário estendido busca evitar as enormes filas em frente à unidade nos últimos meses de cadastro. A atualização é obrigatória nesta zona eleitoral e segue até o dia 30 de novembro. Neste sábado (10), o cartório começa o cronograma de abertura junto com o Sábado Legal do comércio, atendendo das 9h às 12h nos próximos meses, conforme o calendário da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas). Nesses dias, o atendimento é exclusivo àqueles que tiverem agendamento. Atendimento com horário marcado A população pode agendar o seu horário através do site do TRE (Tribunal Regional Eleitoral), no ícone Agende seu Atendimento. Na plataforma são disponibilizadas 300 vagas por dia. O restante é destinado para quem chegar ao cartório sem hora marcada. “Para estes, a espera pelo serviço irá depender da fila formada naquele momento”, observa Arbigaus. Para o cadastramento biométrico, o eleitor precisa levar a carteira de identidade e um comprovante de residência em seu nome ou de pessoas com parentesco de até segundo grau. Em casos de não comparecimento dentro do prazo, o título deve ser cancelado e o eleitor precisará procurar a Justiça Eleitoral para se informar sobre os procedimentos a serem adotados.